coronavírus

Coronavírus? Saiba tudo sobre a Covid-19





É bastante provável que você esteja bem preocupado com o novo coronavírus.

Afinal, até mesmo a ciência vem ‘quebrando a cabeça’ para encontrar uma solução para combater o vírus.

Pouco se sabe até agora sobre sintomas, complicações ou sobre a capacidade de transmissão do coronavírus.

Além do mais, não há no momento um tratamento específico ou uma vacina para o vírus.

Diante de um cenário com a crescente de casos em todo mundo, o que resta são as medidas preventivas para tentar inibir a proliferação do vírus.

Mas você sabe como se prevenir desse agente infeccioso? 

Acompanhe a leitura para saber tudo sobre o coronavírus!

O que é o coronavírus? 

Coronavírus é o nome de uma família de vírus que têm sua estrutura com formato de coroa. 

Geralmente, eles circulam apenas entre animais como os morcegos e roedores.

No entanto, em virtude da proximidade da convivência entre as pessoas e esses animais, eles passaram a infectar humanos.

O coronavírus que circula atualmente é originário da China.

Recebeu o nome de SARS-CoV-2, sigla em inglês para ‘severe acute respiratory syndrome coronavirus 2’ – em português, síndrome respiratória aguda grave coronavírus 2.

A doença causada pelo novo coronavírus é chamada de Covid-19, descoberta no final de dezembro de 2019.

Porém, a família coronavírus já é conhecida desde 1960. 

Doenças como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers) também são provocadas pelo vírus.

Quais os sintomas do coronavírus?

A doença Covid-19, causada pelo novo coronavírus, apresenta sintomas variados. 

Os mais comuns segundo a OMS Organização Mundial de Saúde são:

– Tosse seca;

– Febre;

– Cansaço.

Também é comum que alguns pacientes sintam dores no corpo, congestionamento nasal, inflamação na garganta ou diarreia.

Entretanto, conforme a OMS, essas manifestações ocorrem de maneiras mais leves.

Em casos mais graves, os pacientes apresentam síndrome respiratória aguda e insuficiência renal.

Esses sintomas são potencializados caso eles já tenham outras doenças, principalmente cardiovasculares, o que favorece o desenvolvimento da versão mais crítica da Covid-19.

Quais são as formas de transmissão do coronavírus?

A transmissão do novo coronavírus ocorre pelo contato com o vírus, que é transportado por gotículas expelidas durante a fala, tosse ou espirro de pessoas infectadas. 

A infecção se dá quando estas gotículas entram em contato com a mucosa dos olhos, nariz e boca.

A propagação via contato acontece por meio do:

– Beijo, com troca direta de saliva;

– Aperto de mão, vírus na pele entra em contato com olhos, nariz e boca;

– Abraço, gotículas da fala entram em contato com a mucosa.

Fique atento também ao contato direto com superfícies não higienizadas, como:

– Celulares;

– Maçanetas;

– Corrimão;

– Teclado do computador;

– Apoios do transporte público.

Também evite o consumo de carne de animais silvestres.

Como é o diagnóstico do coronavírus?

Na presença evidente dos sintomas, o médico responsável poderá solicitar um teste para avaliar se o paciente está infectado com o coronavírus.

Na maioria dos casos, retira-se muco do nariz ou da garganta do paciente com um cotonete. 

Em algumas situações, também recomenda-se colher amostras do trato respiratório inferior, por exemplo, secreções dos brônquios ou pulmões expelidas pela tosse.

As amostras são examinadas por meio de um processo baseado na chamada reação em cadeia da polimerase (PCR). 

Na PCR, uma região específica do DNA é copiada e multiplicada num termociclador para que se busquem pedaços especiais de DNA, por exemplo, do coronavírus. 

O procedimento então mostra se e quantos patógenos existem no corpo. No caso de infecções por vírus, isso é chamado de “carga viral”.

Os resultados geralmente estão disponíveis em cerca de 72 horas.

Qualquer pessoa pode realizar o teste para o coronavírus?

Não. Apenas pacientes com suspeita de contaminação e pedido médico podem realizar o teste.

Qual o tratamento para o coronavírus?

Como já dissemos, não há um tratamento específico contra o Covid-19.

Os pacientes infectados recebem tratamento para aliviar os sintomas.

As medidas adotadas são:

– Medicamentos para dor e febre (antitérmicos e analgésicos);

– Umidificador no quarto ou banho quente para aliviar a dor de garganta e tosse.

Como prevenir o coronavírus?

coronavírus

A principal forma de prevenção é lavar as mãos com água e sabão frequentemente, sobretudo, após tossir, espirrar, ir ao banheiro e mexer com animais. 

Ter um frasco de álcool gel na bolsa para higiene das mãos também é indicado.

Além disso, você também deve:

– Limpar com álcool objetos e superfícies tocadas frequentemente;

– Evite tocar nariz e boca antes de lavar as mãos;

– Mantenha pelo menos um metro de distância de pessoas doentes ou que estejam espirrando ou tossindo;

– Tossir ou espirrar levando o rosto à parte interna do cotovelo;

– Evite aglomerações de pessoas;

– Cozinhe bem carnes e ovos

– Evite cumprimentar com beijos no rosto, abraços ou com aperto de mãos;

Preciso usar máscara para evitar o coronavírus?

Essa é uma pergunta frequente que recebemos por aqui. Pois então, saiba que a máscara é um importante aliado da prevenção do vírus. Portanto, para qualquer situação de deslocamento para as ruas, situações de trabalho ou que necessitem do contato humano, você deve usar máscara.

Ainda tem dúvida em relação ao coronavírus? Entre em contato com o Laboratório Côrtes Villela.


WhatsApp chat