Doenças de inverno

Doenças de inverno: Atenção redobrada para crianças e idosos





Com a chegada do inverno e de suas quedas bruscas de temperatura, os cuidados com a saúde devem ser maiores, principalmente para crianças e idosos. Com o sistema imunológico mais frágil que dos adultos em idade média, esses dois grupos, acompanhados ainda de portadores de doenças respiratórias, são os que mais sofrem com as alterações climáticas desta época do ano.

As mudanças repentinas de temperatura que acontecem ao longo do dia e a baixa umidade relativa do ar causam estresse no organismo, fragilizando a resistência orgânica e assim, possibilitando o contágio e  a proliferação de vírus e bactérias que ficam expostos no ar e que atacam principalmente o sistema respiratório.

Toda essa situação torna ainda mais propensa a incidência de doenças respiratórias, como:

rinite, sinusite, faringite, laringite, bronquite, bronquiolite e asma que geram, entre outros desconfortos, coriza, obstrução nasal, tosse, falta de ar e até febre.

Hábitos como fechar a casa, o carro e o ambiente de trabalho, reforçam essas condições atrapalhando ainda mais a imunidade do organismo.

Mais atenção no inverno

Além disso, uma das principais preocupações desta época do ano são os casos de hipotermia, que ocorre quando a temperatura corporal cai a menos de 36,8 graus, ao atingir 29 graus causam risco iminente de morte. Seus sintomas mais comuns são fraqueza, fadiga e diminuição do tremor do frio. Pode acometer tanto crianças quanto idosos, mas são mais frequentes em pessoas mais velhas.

Principais cuidados com idosos durante o inverno

Segundo dados do Ministério da Saúde (MS), as complicações causadas pelas temperaturas baixas aumentam 30% nesta época do ano. Para os idosos, os cuidados devem ser redobrados, e suas condições físicas observadas. A Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia indica alguns cuidados que podem reduzir os impactos do frio no dia a dia dos idosos:

Cuidados idosos

Esses cuidados além de fortalecerem a saúde do paciente, possibilitam uma atenção maior às suas necessidades evitando o agravamento e a complicação de doenças como gripes e pneumonias. 

Principais cuidados com crianças durante inverno

Assim como os idosos, o sistema imunológico da criança ainda é frágil e bastante limitado, principalmente porque ela ainda não tem a imunização necessária contra diversas doenças. Por isso, a atenção com sua saúde também deve ser maior e o acompanhamento médico juntamente com o Calendário de vacinação, indicado pelo Ministério da Saúde deve ser seguido.

A qualidade de vida da criança pode melhorar se acompanhadas desses cuidados básicos e algumas medidas de prevenção através de atitudes simples e presentes no dia a dia de cada uma delas:

Cuidados crianças

Vacinação como forma de prevenção de doenças no inverno

O Côrtes Villela indica a vacinação como a melhor forma de prevenção de doenças, principalmente para crianças e idosos. Por isso, é importante estar atento as principais vacinas indicadas para cada etapa da vida de acordo com o Calendário de Imunização. As principais vacinas indicadas para os idosos são:

Vacinas idosos Côrtes Villela

Para as crianças a vacinação também é uma das fases mais importantes. O cuidado com a imunização e com a prevenção de doenças é fundamental para um bom desenvolvimento da saúde e uma melhor qualidade de vida. As vacinas recomendadas para crianças são:

Vacinas crianças Côrtes Villela

Aqui no Côrtes Villela você encontra vacinas para os primeiros dias do bebê, crianças, adolescentes, gestantes, adultos e idosos.

cta vacinas Côrtes

Já conhece o nosso app?

A partir de agora você pode acessar os resultados de  seus exames laboratoriais sem precisar sair de casa. Com o aplicativo Côrtes Villela, disponível na Google Play e Apple Store, o laboratório oferece os seus principais serviços para você com comodidade e segurança.